Tem 65 anos, é Sueca e foi-lhe sentenciada pena de pisão por ter criticado o Islão e a imigração

Uma cidadã Sueca de 65 anos foi sentenciada a 3 meses de prisão por ter opiniado/criticado no seu Facebook uma religião e o processo migratório do seus país.
Tem 65 anos, é Sueca e foi-lhe sentenciada pena de pisão por ter criticado o Islão e a imigração
O tribunal decretou que a mulher de 65 anos evidenciou sinais de ódio ao comentar na rede social Facebook frases como:
  • O nível intelectual da Suécia irá descer como resultado da imigração
  • Se o país continuar no estado em que está, a inteligência da Suécia estará ao nível dos peixes
  • Recusem toda e qualquer associação ao Islão

Constatar factos já é sinónimo de prisão na Suécia.

Em Portugal não saem notícias sobre a Suécia, nem tão pouco sobre o estado do país desde que aceitaram em massa a imigração. Actualmente os tiroteios e violações em grupo são tão comuns na Suécia, que já nem são criadas notícias sobre o assunto..provavelmente se o fizerem os jornalistas acabam na prisão também.

Desde que a Suécia decidiu aceitar uma religião que impõem costumes e tradições retrógadas que o nº de casos de violação em grupo e ataques com granadas aumentou substancialmente, colocando a Suécia em 1º lugar do pódio no que toca aos países da União Europeia.