Suécia: adolescente muçulmano abusa sexualmente de duas crianças de 11 e 12 anos

Foram os próprios pais que conseguiram prender o muçulmano e aguardar pela polícia, após este ter abusado sexualmente de duas crianças num espaço de semanas na cidade sueca Upplands Väsby.
Suécia: adolescente muçulmano abusa sexualmente de duas crianças de 11 e 12 anos
O violador estava em fuga após ter violado um menino de 12 anos. Depois de ter violado a criança, esta ofereceu-lhe a sua mesada semanal para o libertar e assim conseguiu fugir. A polícia foi evidentemente alertada mas não conseguiu encontrar o criminoso.

Umas semanas depois o muçulmano voltou a atacar outro menino de 11 anos, mas desta vez conseguiu fugir e chamar os pais que vieram em seu auxílio e prenderam o pedófilo até à chegada da polícia. Graças à evidência de ADN foi possível correlacionar os casos.

O violador é um muçulmano de 16 anos, natural da Somália e que chegou à Suécia em 2017 juntamente com a sua família. É agora acusado de ter cometido 35 crimes, incluindo agressão, ameaças, roubo e violação sexual.

Pena de morte ou castração química e respectiva deportação seria a coisa certa a fazer, mas para isso muitas mais milhares de crianças precisarão de ser violadas para se ver alguma luz no fim do túnel.