Refugiado abusa sexualmente de menina de nove anos

Um refugiado de 27 anos e de origem nigeriana foi a tribunal por ter violado uma menina de 9 anos depois de a ter atirado para o chão, lambido a cara da menina e ameaçado matá-la.
Refugiado abusa sexualmente de menina de nove anos
O crime ocorreu em Elbwiesen no início deste ano e as notícias dão conta de uma violação selvagem de uma menina que estava com o seu urso de brincar numa zona rural de campo. O homem de seu nome Seydou, passou pela menina de bicicleta e voltou para trás para falar com ela.

Começou por lhe dizer "Beautiful baby, beautiful baby" e quando a menina mostrou desinteresse, ameaçou-a de morte enquanto esta gritava e lutava contra o homem de origem africana. Seydou aproveitou-se da fragilidade da criança e acabou por consumar o acto de abuso sexual. Uma semana antes o seu pedido de asilo havia expirado.

Devido aos ferimentos físicos e mentais traumáticos a menina ficou de forma perpétua drasticamente alterada. Sofre agora de vários problemas, nomeadamente stresse pós-traumático, alterações de humor, ansiedade severa, medo de tudo e de todos e distúrbios de sono.

Seydou é mais um dos muitos violadores que chegaram à Europa e que violou uma criança. A culpa? A culpa é do António Costa, do Marcelo Rebelo de Sousa, da Angela Merkel, do Jean-Claude Juncker, do Emmanuel Macron, da Theresa May e de TODOS que continuam a receber de braços abertos esta invasão cultural.