Resta-nos assistir.. Outubro 05, 2020

Após mais de 500 posts e quase 2 anos de actividade, AcordaPortugal.pt chega ao fim.

A degradação da sociedade como um todo, bem como a degradação dos valores e cultura intrínsecos a cada país vai continuar e será cada vez mais perceptível; a corrupção política continuará impune; a propaganda de conteúdo sem objectivo de informar mas de formatar adultos, jovens e crianças acentuar-se-à com a conivência de partidos e comunicação social.

The point of modern propaganda isn't only to misinform or push an agenda. It is to exhaust your critical thinking, to annihilate truth.

Agradecer a quem por aqui passou. Resta-nos assistir à degradação, mas não fim, da sociedade, o que é ainda mais penoso.

O site manter-se-à activo até finais de Dezembro

Muçulmano esfaqueia cidadão Alemão para evitar deportação

Um homem Paquistanês esfaqueou um jovem cidadão de 19 anos na Alemanha para evitar ser deportado pela polícia para o seu país...e conseguiu o que queria.
Muçulmano esfaqueia cidadão Alemão para evitar deportação
De forma a evitar ou a tardar a sua deportação, o homem decidiu esfaquear aleatoriamente um jovem pelas costas sem que este sequer se apercebesse do que tinha sucedido. Com recurso a uma faca de cozinha, o esfaqueamento quase levava a vida do jovem Ralf P. que entrou nas urgências em risco de vida mas os médicos conseguiram felizmente salvá-lo.

O muçulmano não só esfaqueou como se riu da situação e fugiu, mas a polícia apanhou-o em sua casa poucas horas após o crime. Abdulsalam R., de 29 anos, é o nome do Paquistanês já conhecido da polícia por roubos, ofensas à integridade física e outros. Recentemente foi-lhe imputado a deportação da Alemanha e decidiu vingar-se e tentar retardar a sua deportação.