Resta-nos assistir.. Outubro 05, 2020

Após mais de 500 posts e quase 2 anos de actividade, AcordaPortugal.pt chega ao fim.

A degradação da sociedade como um todo, bem como a degradação dos valores e cultura intrínsecos a cada país vai continuar e será cada vez mais perceptível; a corrupção política continuará impune; a propaganda de conteúdo sem objectivo de informar mas de formatar adultos, jovens e crianças acentuar-se-à com a conivência de partidos e comunicação social.

The point of modern propaganda isn't only to misinform or push an agenda. It is to exhaust your critical thinking, to annihilate truth.

Agradecer a quem por aqui passou. Resta-nos assistir à degradação, mas não fim, da sociedade, o que é ainda mais penoso.

O site manter-se-à activo até finais de Dezembro

Itália: muçulmano mata padre

Um padre italiano foi morto com recurso a uma faca por um imigrante ilegal da Tunísia em frente à sua igreja. O muçulmano estava ilegal no país e as autoridades quiseram deportá-lo, mas foi adiado por causa do Covid.
Itália: muçulmano mata padre
A vítima, Roberto Maldesini de 51 anos, foi esfaqueado múltiplas vezes por um muçulmano que se encontrava ilegal na Itália. A sua deportação foi pedida no início de 2020 mas acabou sendo adiada devido à pandemia.

O autor do crime é um homem de 53 anos e natural da Tunísia e o esfaqueamento aconteceu às 7h da manhã quando o padre entregava o pequeno almoço aos sem-abrigo junto da sua paróquia. Após o esfaqueamento o homem entregou-se às autoridades locais.