Resta-nos assistir.. Outubro 05, 2020

Após mais de 500 posts e quase 2 anos de actividade, AcordaPortugal.pt chega ao fim.

A degradação da sociedade como um todo, bem como a degradação dos valores e cultura intrínsecos a cada país vai continuar e será cada vez mais perceptível; a corrupção política continuará impune; a propaganda de conteúdo sem objectivo de informar mas de formatar adultos, jovens e crianças acentuar-se-à com a conivência de partidos e comunicação social.

The point of modern propaganda isn't only to misinform or push an agenda. It is to exhaust your critical thinking, to annihilate truth.

Agradecer a quem por aqui passou. Resta-nos assistir à degradação, mas não fim, da sociedade, o que é ainda mais penoso.

O site manter-se-à activo até finais de Dezembro

Imigrante Afegão mata namorada porque esta se recusou a converter ao islão

Ahmad é um refugiado ilegal Afegão na Alemanha e foi sentenciado a prisão perpétua após matar a sua namorada Alemã de 17 anos porque esta se recusou a converter ao islão.
Imigrante Afegão mata namorada porque esta se recusou a converter ao islão
A jovem foi esfaqueada 14 vezes no seu apartamento após esta ter terminado o relacionamento entre ambos. Ahmad chegou à Alemanha em 2015 como refugiado menor, pediu asilo e foi rejeitado..porque na verdade tinha mais de 28 anos.

Os jovens envolveram-se no relacionamento durante 2 anos, mas ao que tudo indica o homem, de agora 30 anos, tentou controlar todos os passos da adolescente, proibindo-a de conhecer e/ou falar com outros homens.

Farta da pressão, a jovem Alemã decidiu acabar com o relacionamento e recusou converter-se ao islamismo e em usar lenço na cabeça.