Imigrante abusa sexualmente de cliente no seu salão de cabeleireiro

Um imigrante foi condenado por violar uma cliente durante uma sessão de cabeleireiro. O crime aconteceu no centro de Estocolmo, Suécia.
Imigrante abusa sexualmente de cliente no seu salão de cabeleireiro
Aryan Saleh é o nome do homem que violou uma cliente no seu salão de cabeleireiro denominado Saxess By Alex. O homem decidiu entrar em contacto com a cliente, já conhecida, e convidou-a para um tratamento capilar gratuito e vinho espumante.

Após a sessão capilar, convidou-a para o escritório com o pretexto de lhe dar uma massagem no pescoço. A mulher aceitou e uma vez lá, Aryan pediu que esta removesse a sua blusa e começou-lhe a tocar nas partes intímas. A mulher imediatamente pediu-lhe para parar, mas este recusou e mostrou uma nova faceta.

Após a tentativa da mulher de fugir dali para fora, Aryan empurrou-a contra uma parede e violou-a na vagina e no ânus.

Aryan, que é já um conhecido da polícia por ter no seu currículo outras condenações desde ameaças, delitos com drogas, ataque a polícias, condução enquanto embriagado, foi condenado desta vez a uma sentença de 2 anos e ao pagamento de 11 mil euros por danos à vítima.